Link para o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
Link para o Portal do Governo Brasileiro

 

Monitoramento da antracnose

Autor(es):  Selma Cavalcanti Cruz de Holanda Tavares

  Buscar  

 

   Busca Avançada

Método de amostragem
Amostrar: 10 plantas, em até 5 ha, ou 14 plantas, em 06 a 10 ha, ou 18 plantas, em 11 a 15 ha.
Freqüência: semanal (da poda até a colheita)
Folhas: avaliar a presença ou ausência de sintomas (manchas necróticas irregulares ou circulares de tamanho variado) em folhas de oito ramos por planta, sendo dois por quadrante, fazendo uma observação de cinco folhas da parte apical de um ramo e de cinco folhas da parte mediana do outro ramo.
Inflorescências: avaliar a presença ou ausência de sintomas (necroses nas flores e engaço ou ráquis, de coloração escura e salteadas) em oito inflorescências por planta, sendo duas por quadrante.
Fruto: avaliar a presença ou ausência de sintomas (manchas necróticas com depressão na superfície do fruto, progredindo para a polpa) em oito frutos por planta, sendo dois por quadrante em panículas distintas.
Avaliação: cálculo da percentagem de ocorrência em folhas, inflorescências e frutos.

Nível de ação
Medidas preventivas: inspeções de 2 a 3 vezes por semana em toda a área quando no 1º semestre do ano o pomar estiver com flores.
Medidas reparadoras: > 10% de folhas com sintomas, estando a planta sem flores ou > 5% estando a planta com flores ou frutos. Também será > 5% de flores ou de frutos com sintomas.


Informações Complementares:

Adicionar à Pasta Manejo da antracnose (Colletotrichum gloeosporioides) na produção integrada de manga Sintomas da doença; Manejo da antracnose na PI - Manga; Nível de ação; Medidas de controle. Mais Detalhes
  Hiperbólica
 

Pasta de documentos
Adicionar
Visualizar

  Informes
Embrapa Semi-Árido
Topo | Página Inicial | Voltar
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610.
Embrapa
Parque Estação Biológica - PqEB s/n°.
Brasília, DF - Brasil - CEP 70770-901
Fone: (61) 3448-4433 - Fax: (61) 3347-1041